Comissões de utentes das SCUT acertam posições de contestação

Discussão em 'Economia e Finanças' iniciado por JuizDidi, Novembro 5, 2010.

  1. JuizDidi

    JuizDidi Staff Moderador Temático Membro Gold


    Portagens

    Comissões de utentes das SCUT acertam posições de contestação

    Económico com Lusa
    05/11/10

    Comissões de utentes das sete SCUT reúnem-se no sábado no Entroncamento num encontro nacional para concertar posições de contestação às portagens nas SCUT.

    "Estamos a contar que a quase totalidade das comissões de utentes das SCUT estejam presentes", disse à agência Lusa José Rui Ferreira, da Comissão de Utentes da Póvoa de Varzim/Vila do Conde.

    Os objectivos principais da reunião, a segunda a nível nacional, são "fazer um balanço da introdução de portagens das SCUT do Norte e um ponto de situação relativamente às outras SCUT".

    "Vamos discutir como dar continuidade à contestação. Não encaramos o pagamento de portagens como um facto consumado e irreversível", salientou, escusando-se a adiantar que formas de protesto serão propostas.
    José Rui Ferreira recordou que esta é a segunda reunião nacional de comissões de utentes, depois de uma primeira, ainda antes do início da cobrança de portagens, em 15 de Outubro, que juntou na Senhora da Hora, concelho de Matosinhos, a maioria dos movimentos.
    Na ocasião, não participaram representantes do Algarve, por terem a sua comissão de utentes ainda em constituição, nem da zona de Torres Novas, o que levou os organizadores a programarem este segundo encontro para uma localidade mais central, explicou.
    "A introdução de portagens provocou um grande descontentamento. Foi um processo muito precipitado. Milhares de utentes não puderam comprar o dispositivo nem pedir isenções", realçou.
    José Rui Ferreira destacou também o impacto negativo que a introdução de portagens teve nas "alegadas vias alternativas", com sucessivos congestionamentos de trânsito que têm levado várias autarquias a proibir a circulação de pesados no interior das cidades.
    O organizador da reunião salientou ainda a redução significativa de visitantes da Galiza, devido ao elevado custo dos dispositivos electrónicos para veículos de matrícula estrangeira e à escassez de locais de venda.
    O Governo iniciou a 15 de Outubro a cobrança de portagens nas SCUT Norte Litoral, Grande Porto e Costa de Prata e decidiu que até 15 de Abril o regime será alargado às SCUT Interior Norte, Beiras Litoral e Alta, Beira Interior e Algarve, e aos lanços das três concessões do Norte não abrangidos na primeira fase.



    in DE
     
SatLine 24