Estudantes invadem sede do Partido Conservador

Discussão em 'Internacional (Notícias)' iniciado por JuizDidi, Novembro 11, 2010.

  1. JuizDidi

    JuizDidi Staff Moderador Temático Membro Gold

    Reino Unido

    Estudantes invadem sede do Partido Conservador

    11/11/10

    O centro de Londres foi ontem palco de violentos confrontos entre estudantes e a polícia, com mais de 50 mil universitários (de acordo com as estimativas) em protesto contra o aumento das propinas para o triplo (mais de 10.500 euros) em 2012 e o corte até 60% do financiamento às universidades.

    A marcha de protesto estudantil que se dirigia para o parlamento britânico começou por ser pacífica mas terminou em violência quando os estudantes invadiram a sede do Partido Conservador, em Millbank Tower, partindo vidros e ocupando o ‘lobby' do edifício. No exterior, foram incendiados cartazes. Os confrontos com a polícia anti-motim resultaram em oito feridos e vários estudantes detidos. Esta foi a maior manifestação contra a coligação britânica entre conservadores e liberais-democratas desde que o primeiro-ministro David Cameron, tomou posse em Maio.
    De acordo com o plano do governo britânico, os estudantes universitários passam de 3.300 euros de propinas anuais para o triplo do valor, entre seis e dez mil euros por ano, enquanto as universidade irão sofrer cortes no financiamento entre 40 e 60%. O objectivo é reduzir em cerca de 3.400 milhões de euros o financiamento governamental dado às universidades. Ontem de manhã, o vice-primeiro-ministro Nick Clegg, líder dos liberais-democratas, foi criticado na Câmara dos Comuns, por aceitar o projecto defendido pelo primeiro-ministro David Cameron. O presidente do sindicato nacional dos estudantes, Aaron Porter, disse que os confrontos com a polícia não estavam nos planos e foram levados a cabo por "radicais".



    in DE
     
    Última edição: Novembro 11, 2010
Génio Digital