Face Oculta - Estado arrecada 5,6 milhões, um quarto da facturação da O2

Discussão em 'Economia e Finanças' iniciado por JuizDidi, Novembro 2, 2010.

  1. JuizDidi

    JuizDidi Staff Moderador Temático Membro Gold

    Estado arrecada 5,6 milhões, um quarto da facturação da O2


    Entre bens que devem reverter a favor do Estado, liquidação do património dos arguidos e vantagens adquiridas por estes através de comissões dos factos ilícitos, no final do processo Face Oculta, os cofres públicos deverão arrecadar bens e valores num montante equivalente a 5,6 milhões de euros.


    [​IMG]


    É esta, pelo menos, a estimativa do Ministério Público (MP), no despacho de acusação emitido na quarta-feira passada.

    Este valor, contudo, ficará muito aquém daquilo que Manuel Godinho terá arrecadado ao logo dos tempos. Basta comparar, por exemplo, com os resultados do seu grupo empresarial: Em 2009, o mesmo ano em que a investigação do "Face Oculta" se tornou conhecida e o empresário das sucatas foi detido, a sua principal empresa, a O2, facturou qualquer coisa como 23,8 milhões de euros, quatro vezes mais do que o total que, se tudo correr como prevê o MP, entrará nos cofres do Estado quando o processo terminar.




    in JNeg
     
Génio Digital