Mais de metade dos agregados tem acesso à Internet em casa

Discussão em 'Economia e Finanças' iniciado por JuizDidi, Novembro 5, 2010.

  1. JuizDidi

    JuizDidi Staff Moderador Temático Membro Gold


    INE

    Mais de metade dos agregados tem acesso à Internet em casa

    Económico com Lusa
    05/11/10

    Mais de metade dos agregados domésticos em Portugal dispõe de acesso à Internet em casa, segundo dados hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística.

    "Em 2010, 60% dos agregados domésticos dispõem de acesso a computador em casa, 54% têm acesso à Internet e cerca de metade (50%) dispõem de Internet em banda larga", segundo o Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias 2010, realizado pelo INE com a colaboração da UMIC - Agência para a Sociedade do Conhecimento.
    De acordo com os dados divulgados hoje, 55% dos indivíduos entre os 16 e os 74 anos utilizam computador e 51% consultam a Internet.
    Na faixa etária entre os 10 e os 15 anos, o computador é utilizado por 96% e a Internet por 91%.
    O INE refere que a recolha de informação para a elaboração deste inquérito foi feita por entrevista directa e telefónica, com recurso a computador, e decorreu entre Abril e Maio.
    No que respeita ao acesso a banda larga, o INE refere que, face a 2006, regista-se um crescimento médio anual de 21%.
    "Em 2006, perto de um quarto (24%) dos agregados domésticos tinha banda larga em casa, passando a representar, em 2010, o meio de acesso de cerca de metade (50%) dos agregados", refere o instituto de estatísticas.
    Já as taxas médias de crescimento anual para o acesso a computador e Internet para o mesmo período são de 12% e 7%, respectivamente.
    O INE refere que as regiões de Lisboa, do Algarve e as Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira apresentam proporções de agregados com acesso às Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) acima da média do país.
    Uma análise por sexo demonstra que "a proporção de homens que utiliza estas tecnologias é superior à das mulheres em cerca de nove pontos percentuais no uso de computador e em 10 pontos percentuais na utilização de Internet".
    Ou seja, 61% dos homens utilizam computador e 56% utilizam Internet, o que compara com 50% e 46% das mulheres, respetivamente.
    Por escalão etário, a utilização de computador e Internet "varia na razão inversa da idade, sendo os indivíduos entre os 16 aos 44 anos quem mais contribui para o nível atingido por estes indicadores", refere o INE, acrescentando que é, sobretudo, entre os indivíduos dos 16 aos 24 anos que se verifica um maior nível de utilização de computador (94%) e de Internet (89%).
    Quanto ao comércio electrónico, o instituto de estatísticas diz que 9,5% dos indivíduos entre os 16 e os 74 anos utilizaram a Internet para fazer encomendas de produtos ou serviços, um valor ligeiramente abaixo dos 9,7% registados em 2009.
    No entanto, salienta o INE, "entre 2006 e 2010, duplicou a proporção de indivíduos que efectuam encomendas pela Internet".



    in DE
     
SatLine 24