Receptores para TDT têm qualidade e registam descidas de preços.

Discussão em 'TDT "Televisão Digital Terrestre"' iniciado por Numerico, Novembro 15, 2010.

  1. Numerico

    Numerico Staff Moderador Temático Membro Gold

    Os últimos testes comparativos às caixas descodificadoras para a televisão digital terrestre (TDT), efectuados em Outubro, revelam que os equipamentos "têm qualidade e registam descidas de preços", avançou hoje a .

    A análise é fornecida pela , no âmbito de um com a Anacom, nos termos do qual a Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor se compromete a realizar testes em contínuo aos equipamentos - que serão necessários a quem não possua um televisor com sintonizador digital integrado para aceder à televisão digital terrestre.

    Os referentes ao último mês estão disponíveis nos sites de ambas as organizações e concluem que "o desempenho e preço dos descodificadores variam muito, mas em todos a imagem não decepciona, mesmo quando ligados a televisores convencionais (CRT)".

    De acordo com a Deco, apenas dois dos modelos avaliados "não atingem resultados muito bons". Há ainda quatro aparelhos que não são recomendados, sobretudo devido ao elevado consumo em stan-by, que no caso do Teka TK2000 THD e do Univers by FTE U6000 é cinco vezes superior ao estipulado pela Comissão Europeia.

    A associação faz ainda notar que os preços cobrados pelo mesmo aparelho podem variar muito de loja para loja, havendo, por isso, vantagem em conferir na tabela qual o estabelecimento mais barato.

    No estudo, o equipamento que parece sair-se melhor é o Denver DMB-105HD, considerado 67 por cento satisfatório no que à qualidade concerne e com preços que variam entre os 49,90 e os 65,37 euros, consoante a loja onde seja adquirido.

    A Anacom informa ainda que já há caixas descodificadoras com preços abaixo dos 40 euros, como o modelo Best Buy Easy Home TDT HD Nano, que em promoção custa 29,95 euros. Sem promoção o preço é 36,95 euros, ainda assim o valor mais baixo detectado no mercado até agora, mas este equipamento ainda não foi incluído no estudo da Deco para Outubro.

    Tal como havia sido anunciado, a associação vai continuar a testar os receptores até Abril de 2012, altura em que serão desligadas as emissões analógicas de TV, com o objectivo de "assegurar informação sobre os equipamentos que surgem no mercado, sensibilizando e orientando os utilizadores", lê-se em comunicado.


    TeK
     
LMPC